cidade do méxico

Extremamente animada e cheia de cores, a Cidade do México é um destino ótimo pra quem gosta de muito movimento e arte, lá você pode encontrar várias atrações culturais e ruas extremamente coloridas, sua intensidade pode ser vista nas artes das ruas, na música, na culinária, nos seus parques e na animação de cada pessoa. No centro da cidade você pode encontrar La Ciudadela, que é um mercado artesanal com mais de 300 barracas, outro ponto legal para se conhecer é o Xochimilco, que é o último canal asteca da cidade, que tem vários mercados e jardins pelo caminho e você pode conhecer de barco. A Cidade do México é um lugar extremamente vivo e onde você sempre vai ter algo para fazer, seja visitando algum ponto histórico ou até mesmo tomando margaritas em algum bar no centro da cidade.

As mulheres no México têm cada vez mais se organizado e movimentado para reivindicar seus direitos e ocupar cada vez mais lugares na sociedade, inclusive um movimento muito grande que aconteceu em Março de 2017 foi o A Day Without Women, em que mais de 21 milhões de mulheres não foram trabalhar nem para a escola em protesto contra o feminicídio, gerando um prejuízo que chegou a 300 milhões de dólares, e assim mostrando ao mundo que as mulheres têm valor, independente de sua origem, idade ou aparência. Na Cidade do México você pode encontrar vários eventos e organizações direcionados às mulheres para promover equidade de gênero e um lugar melhor para todas elas.

A cidade tem um lugar chamado Zona Rosa, que tem uma vizinhança e vários bares para pessoas LGBTQIA+,onde você pode interagir com a comunidade local, e é também onde acontece a Parada Anual do Orgulho LGBTQIA+ da Cidade do México. Lá acontece eventos muito interessantes e cheios de cultura em vários aspectos, como o Festival de Diversidad Sexual en Cine y Video, que exibe vários filmes abordando temáticas sociais, estéticas e de poder relacionadas às pessoas LGBTQIA+. O méxico é um lugar em que as pessoas trans ainda enfrentam muitos desafios perante a sociedade, mas por esse motivo surgem organizações como o Club Roshell, que luta pelos direitos de pessoas trans, travestis e intersexo. 

O México é um país que em torno de 62% é composto por “mestizos”, que têm origem de indígenas méxicanos e outros lugares, principalmente Europa, esse fato o torna multicultural com muita diversidade e tradições, como o Día de los Muertos, que é conhecido em todo o mundo. Tendo um histórico cultural imenso, a cidade apresenta eventos como o Festival Centro Histórico, que  tem um público em torno de 600 mil pessoas e apresenta muita música, dança, teatro e arte para todos os gostos.

Lugares para conhecer: 

Antigo colégio de San Ildefonso

Museu da Cidade do México 

Palácio de Bellas Artes 

Chapultepec 

Museu Jumex 

Museu Frida Kahlo 

o que você está esperando?